Coleção Verão 2007 - Someday

Coleção Verão 2007 – Someday




Meyer Filho foi um dos precursores do modernismo em Santa Catarina. Nos anos 50 integrou o Grupo Sul, que sacudiu a pasmaceira artística do Estado com a nova estética. Em 1957 foi um dos fundadores do Grupo de Artistas Plásticos de Florianópolis. Meyer também produziu versões cubistas de seus galos e chegou a ser denominado de um artista naïf, de linha primitista. “Mais do que um pintor naïf, Meyer seria um filósofo folclórico, que trata de ordenar o caos”, escrevia no jornal “La Opinion” o jornalista Luis Aubele, na Buenos Aires de 1976. Itajaiense, marciano e poeta cósmico, o artista inventava sua própria invenção e possuía uma originalidade espantosa. Sua pinturas são explosões de amarelos, violetas, verdes, vermelhos, azuis e laranjas, cores pelas quais guardava especial estima. O galo, rei absoluto em suas telas, muitas vezes mistura todas essas cores. Meyer faleceu em 1991.


Coleção Verão 2007 - Someday
Coleção Verão 2007 - Someday
Coleção Verão 2007 - Someday
Coleção Verão 2007 - Someday